O maravilhoso mundo do Scrapbook

Oi, gente! Tudo bem? Conta pra mim, você tem o hábito de fazer scrapbook? Ou nem sabe o que é isso?  Se você é da turma que fazia diário na adolescência, isso significa que provavelmente você já deu os primeiros passos rumo ao maravilhoso mundo do scrapbook.

Ficou interessada? Então segue comigo que eu vou te contar todos os detalhes

O que é Scrapbook

Scrapbook significa álbum de recorte, mas, na prática, é um jeito criativo e todo customizado de guardar nossas melhores recordações.  Para fazer um scrapbook não há regras, vale escrever, colar fotos, adesivos, enfeites, recortes de revistas, carimbos e tudo que a sua imaginação permitir. Vale qualquer coisa para ilustrar a sua história de forma única e artesanal, afinal é o seu álbum, você pode usar todos os recursos e lembranças que tiverem valor sentimental pra você.

Na real gente, podemos dizer simplesmente que scrapbook é a arte de registrar os seus melhores momentos.

Origem do Scrapbook

A ideia de registrar acontecimentos marcantes e guardar pequenas lembranças é muito antiga. Pelo que pesquisei, na Inglaterra do século XV era comum as pessoas guardarem seus registros em um livro que era chamado de Common Place Book. Depois surgiram os anuários escolares, onde os alunos iam registrando duas recordações do ano letivo, colando recados, recortes etc.

Em 1825 foi lançado a série “The Scrapbook” que ensinava a preencher os álbuns com fotos e recortes. E a partir daí esse hobby foi ganhando cada vez mais adeptos, e as empresas começaram a criar produtos específicos para essa finalidade.

Dizem que Thomas Jefferson (terceiro presidente dos EUA) tinha vários álbuns, assim como a Rainha Vitória da Inglaterra.

Para que serve um Scrapbook

Você pode fazer um scrapbook para registrar um momento importante como a gravidez, entrada na universidade, crescimento dos filhos, ou fazer disso um delicioso hobby. Ah, saiba que tem gente que fez disso a sua profissão, montando scrapbook pra quem não tem muita habilidade.

Além disso, o ato de fazer scrapbook é muito terapêutico, uma ferramenta antiestresse, um momento de pausa na correria do dia a dia e uma maneira de exercer a nossa criatividade.

Quando estamos decorando nossas lembranças, vamos relembrando e saboreando cada uma delas, aprendendo a valorizar esses momentos e então percebemos quantas coisas boas já aconteceram em nossas vidas.

Sabe o que é interessante, o “scrap” (para os íntimos, rs) é um movimento que segue firme e forte, apesar de todos os recursos digitais que temos disponíveis, como redes sociais, vídeos, blogs pessoais, e até mesmo os scrapbooks digitais. Isso porque alguns momentos são tão importantes e íntimos que a gente tem vontade de tocar, de registrar de uma forma singular e pessoal, sensações que os recursos digitais não são capazes de oferecer.

Outros Scraps

Essa técnica é tão afetiva e gostosa que se expandiu e começou a ser aplicada em outras situações como por exemplo:

Scrapfesta: quando se utiliza técnicas do scrapbook para criar lembrancinhas e decorações de festas. Ótimo recurso para personalizar o evento, e dar aquele toque artesanal e acolhedor.

Scrapdecor: isso mesmo minha gente, dá pra usar as técnicas e materiais do scrapbook na decoração. Seja criando painéis, quadros ou qualquer outro objeto que a sua criatividade permitir. Veja abaixo o vídeo em que eu dou dicas de como fazer quadros utilizando esses recursos.

Como fazer

Como eu disse anteriormente, não existe regra e nem formato ideal, abra a sua mente e crie seu projeto da forma que o seu coração mandar. Para isso, é bacana investir em algumas ferramentas básicas:

  • Base de corte – é uma superfície de apoio com marcações em centímetros que auxiliam na hora de cortar os papéis, e ainda protege seu móvel de eventuais cortes de estilete.
  • Estilete – ferramenta indispensável.
  • Tesouras – existem vários tipos de tesouras que vão proporcionar diferentes resultados. É legal ter uma pequena, de ponta bem fininha para cortes delicados e precisos, e outra para papeis em geral. Mas não esqueça de mantê-las bem afiadas.
  • Régua Profissional – além de ser mais exata que uma régua comum, ela vai te ajudar também nos cortes com o estilete.
  • Cola Acid Free – essa é a mais indicada, pois não vai amarelar as páginas, e rende mais que as colas comuns.
  • Papéis – Bem, essa é uma das melhores partes, se jogue no mundo dos papeis estampados! Você pode escolher diversas cores e estampas, mas é importante que elas combinem entre si, para que o resultado seja harmônico.

Se você quer se aventurar pelo mundo mágico do scrapbook, poderá encontrar uma infinidade de materiais em lojas especializadas, aliás, se você entrar em uma delas eu duvido que saia de lá sem nada, afinal, é o paraíso da “fofurice”.

Vou aproveitar e deixar aqui quatro dicas de lojas incríveis, onde você poderá encontrar tudo que precisa para montar o seu scrapbook. A We R Memory e a American Crafts são aqui dos EUA, no Brasil, eu recomendo a Scrapgoodies, lá eles têm até clube de assinaturas, e a Lari Batista, que além de ser uma professora talentosíssima nessa arte, também vende produtos para scrappers.

Conta pra mim o que achou da ideia? É ou não é uma deliciosa maneira de registrar nossos melhores momentos?

Beijo da Lú.

Share:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Idioma:

Lu Marinho não tem medo de mudanças – nem as dela, nem as suas!
Com uma carreira consistente e estável, um belo dia resolveu mudar tudo e hoje trabalha com sua paixão, o design de interiores!

Faz isso tanto para clientes dos USA quanto do Brasil, em ambientes residenciais, comerciais e eventos corporativos. Além disso, em seu canal do YouTube dá dicas de decoração, DIY, boas compas, viagens, passeios, comidinhas e muito mais!

Últimos Posts

Rolar para cima